Sobre a Dor e sua erotização: contributos para a compreensão do fenómeno da dor

Rui Aragão Oliveira

Resumo


Introdução: Neste trabalho, a dor é conceptualizada na sua expressão subjectiva, interligada com o prazer, o sofrimento humano e o equilíbrio psíquico.

Objectivo: Aprofundar as principais expressões emocionais associadas à dor nas experiências de luto em reabilitação física.

Método: É realizado uma análise compreensiva de teor psicanalítico sobre as características mais relevantes de funcionamento mental perante o fenómeno da dor.

Discussão / Conclusões: Predominam os sentimentos de culpabilidade, perante os quais a dor física funciona como atenuante satisfatório, um passado histórico-familiar que predispõe o uso da dor com este fim, e ainda o desenvolvimento da dor como substituto para a vivência de perda. Serão ainda comentadas actualidades respeitantes à eficácia psicoterapêutica em pacientes com dor crónica.

Palavras-chave: Dor; Prazer; Sofrimento; Psicoterapia.


Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.25759/spmfr.21

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista da Sociedade Portuguesa de Medicina Física e de Reabilitação